Nome Científico: Trisopterus luscus Linnaeus, 1758

Nome Comum: Faneca

Classificação Científica:
Reino Animalia
Filo Chordata
Classe Actinopterygii
Ordem Gadiformes
Família Gadidae
Género Trisopterus
Espécie T. luscus

Sinonímias: Gadulus luscus, Gadus barbatus, G. colias, G. luscus, G. bibus, Morhua barbata, M. lusca, Trisopterus luscus luscus

Estatuto de Conservação: NE - Não Avaliado

Corpo pouco alongado com boca terminal munida com um par de barbilhos que utiliza para encontrar alimento. Possui coloração bronze pálida sobre a linha lateral, com bandas verticais mais escuras (4 ou 5 bandas), e cinzento prateado na zona ventral. As barbatanas mais escuras possuem um fino ponteado negro, sendo as peitorais ocre e as ventrais esbranquiçadas. O seu comprimento varia entre os 20 e os 25 cm.

Os juvenis encontram-se em águas pouco profundas, em baixos rochosos ou arenosos, entre as rochas, atingindo a maturidade sexual ao fim de um ano de idade, enquanto que os adultos vivem em águas mais profundas, entre 30 e 100 metros de profundidade. Esta éspecie forma cardumes e alimenta-se de crustáceos, molucos e pequenos peixes.

Nordeste Atlântico entre as ilhas Britânicas e o Norte de África e na parte ocidental do mar Mediterrâneo.

Onde se pode encontrar:

Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina
Reserva Natural do Estuário do Sado
Parque Marinho Prof. Luiz Saldanha


Sem ameaças a destacar.

Sem medidas a destacar.

Ligações Externas

Discrimination of Trisopterus Luscus (Linnaeus 1758) Stocks in the Norhern of Portugal Using Otolith Elemental Fingerprints
Silva (2011)

Dieta alimentar da faneca, Trisopterus luscus (Linnaeus, 1758) de Angeiras e da Aguda
Oliveira (2002)

Autor: MVBIO