Nome Científico: Labrus bergylta Ascanius, 1767

Nome Comum: Bodião-reticulado

Classificação Científica:
Reino Animalia
Filo Chordata
Classe Actinopterygii
Ordem Perciformes
Família Labridae
Género Labrus
Espécie L.bergylta

Sinonímias: Crenilabrus multidentatus, Labrus balanus, L. Ballan, L. Berggylta, L. Comber, L. Donovani, L. Maculatus, L. Neustriae, L. nubilus, L. reticulatus, L. variabilis

Estatuto de Conservação: LC - Pouco Preocupante

Corpo robusto, com boca de lábios proeminentes e dentes fortes. A sua coloração é variável de acordo com a idade, a profundidade a que se encontra, o habitat ou a altura do ano (predominam geralmente o castanho e o verde). Têm um comprimento médio de cerca de 50 cm, sendo o tamanho máximo registado de 66 cm.

Espécie que procura fundos rochosos ricos em algas, comum entre um e 50 m de profundidade. Alimentam-se de pequenos crustáceos e moluscos. A fêmea desova num ninho de algas construído pelo macho numa fenda.

Atlântico Nordeste entre a Noruega e Marrocos, incluindo Açores, Madeira e Canárias.

Onde se pode encontrar:

Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina
Parque Marinho Prof. Luiz Saldanha


Sem ameaças a destacar.

Sem medidas a destacar.

Ligações Externas

OMARE | Observatório Marinho de Esposende
Ficha de Labrus bergylta

On the absence of genetic differentiation between morphotypes of the ballan wrasse Labrus bergylta (Labridae)
Almada et al.(2016)

Feeding ecology of the white sea bream, Diplodus sargus cadenati (Perciformes: Sparidae) and the ballan wrasse, Labrus bergylta (Perciformes: Labridae), from Faial Island – Azores
Figueiredo et al.(2005)

Autor: MVBIO